Eu decido confiar

Um dia desses eu estava na igreja, e me veio a seguinte indagação: Qual será o meu nível de confiança em Deus?



Isso devia ser uma pergunta fácil de responder – TOTALMENTE – mas então me lembrei das inúmeras vezes, que tomei decisões baseadas no que seria melhor para mim no momento, sem ao menos me importar no que Deus pensava daquilo, ou quando eu fico com medo de falar do seu amor por não confiar 100% que ele estará comigo, ou aquela vez que eu desisti de tudo por causa das minhas dúvidas.

E foi fazendo essa análise da minha vida, que percebi que não confio totalmente em Deus, sei que é mais comum do que pensamos, a quantidade de pessoas que estão na igreja, mas não conseguem deixar o Senhor tomar o controle das suas vidas, porque no fundo somos todos assim, gostamos, não, necessitamos de estar sempre no controle, no controle da vida financeira, no controle de quem amamos, no controle do que se faz durante do dia, e cá para nós, é tão frustrante quando não sai do jeito que queremos, por isso é tão complicado executar a fé e deixar que o nosso Abba, quem que você não pode ver, mas sente, tomar o controle total de todas as áreas da sua vida.

Mas sabe o que me leva a querer confiar? A certeza que todas as suas decisões será o melhor para mim. Então, vou começar a orar com o Rei Davi nos salmos 18

1- Eu te amarei, ó Senhor, fortaleza minha.
2- O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.

Decido, não decidi, mas deixar que o todo poderoso guie meus passos, quero usar a fé e crer que o Senhor estará no controle de todas as coisas, vou descansar em teus braços enquanto ele cuida de mim, não tenho porque me preocupar com o amanhã, pois meu único compromisso vai ser viver o agora, não quero mais lembrar de como é sofrer por antecipação.

Vou adorar, quanto deixo ele cuidar de mim... E quer saber de uma!? Já sei, que será minha melhor escolha, confiar cegamente no Deus que nunca me abandonou. 

Um comentário:

  1. Que maravilha eu to aprendendo a entregar as coisas nas mãos de Deus de verdade agora e não nego que to passando por muitas provas sabe tem sido bem difícil, mas ainda tenho muito caminho pela frente acredito que se confiasse mais em Deus e esperasse nele não teria atrapalhado os planos dele para mim e isso doeu mas to voltando para onde nunca deveria ter saído to voltando para a casa do pai ♥

    ResponderExcluir

@amandahauane